como calcular horas trabalhadas
Beirith Advogados

Beirith Advogados

Como Calcular Horas Trabalhadas

Aprenda como calcular as horas trabalhadas e a jornada de trabalho para descobrir se seu salário está correto.
como calcular horas trabalhadas
Aprenda como calcular as horas trabalhadas na sua jornada de trabalho e descobrir se o salário está correto. O cálculo de horas pode ser obtido através de fórmulas simples, veja neste conteúdo

Aprenda Como Calcular as Horas Trabalhadas e Jornada de Trabalho Corretamente

Saber como calcular horas trabalhadas é importante para garantir que está recebendo o salário corretamente. No Brasil, é comum que muitas empresas errem no cálculo da jornada do empregado, o que gera abatimentos no salário final. Geralmente, este tipo de situação acontece devido à falta de preparo dos responsáveis para lidar com as questões legais que envolvem o cálculo das horas de trabalho.

Calcular as horas trabalhadas corretamente ajuda a proteger tanto o trabalhador quanto o empregador, evitando uma reclamatória trabalhista. Para aprender a calcular o valor das horas trabalhadas é necessário conhecer e entender os pontos jurídicos que incidem sob esta ação. Veja como calcular as horas trabalhadas:

Como Funciona a Jornada de Trabalho

Antes de aprender como calcular horas trabalhadas é necessário entender como funciona a jornada de trabalho segundo a lei, ou seja, a carga horária que o trabalhador é obrigado a cumprir durante o dia, a semana e mês, levando em consideração o acordo estabelecido no momento da contratação e dos termos que estão estabelecidos na legislação vigente.

Segundo o inciso XIII do Art. 7º da Constituição Federal, a duração de trabalho normal corresponde a 8 horas por dia, acarretando 44 horas por semana e totalizando 220 horas de trabalho por mês. Se o trabalhador ultrapassar a jornada de 8 horas por dia, a empresa deve arcar o pagamento de horas extras. A compensação de horários e a redução da jornada pode ser estabelecida por meio de acordo ou convenção coletiva de trabalho.

Também é importante ressaltar que o trabalhador deve receber o repouso semanal de preferência aos domingos. Se isso não for viável, o empregador tem de obrigatoriamente, conceder o direito ao descanso, pelo menos, em um domingo no mês. Caso o trabalhador não receba o direito de folga um domingo por mês, é dever da empresa pagar o domingo trabalhado em dobro, mesmo que a folga seja concedida em outro dia da semana.

Veja mais sobre Descanso Semanal Remunerado.

Como Calcular Horas Trabalhadas do Empregado Mensalista

Para calcular horas trabalhadas do empregado mensalista, considere os seguintes dados sobre a jornada de trabalho:

Um trabalhador tem uma jornada de trabalho de segunda-feira a sexta-feira das 08:00 às 17:00 e aos sábados das 08:00 às 12:00 horas. O intervalo para refeição e descanso é de 1 hora. Sendo assim, tem-se 44 horas semanais e 220 horas por mês. O salário é de R$ 1.500,00 para um mês de 30 dias. Veja dois exemplos de fórmulas para calcular as horas trabalhadas nesse caso:

Primeira Fórmula de cálculo:

44 horas semanais X 5 semanas =220 (divisor)

Ou seja: 1500,00/220

Valor do Salário-Hora = 6,82

calculo de horas trabalhadas
calculo de horas trabalhadas

Segunda Fórmula de cálculo:

Salário-hora = Salário Mensal/220

Isto é: 1.500/220

Salário-hora = 6,82

Salário-hora= 6,82

Como Calcular Horas Trabalhadas do Empregado Com Carga Horário de 36 Horas Semanais

Para calcular horas trabalhadas do empregado com carga horária de 36 horas semanais, considere os seguintes dados.

Um empregado tem 6 horas diárias trabalhadas durante 6 dias da semana, totalizando 36 horas semanais. O salário mensal é de R$ 2.000,00. Veja a fórmula para calcular esta situação:

36/6X30 (trinta e seis horas trabalhadas semanalmente) dividido por ¨(total de dias úteis na semana) multiplicado por 30 dias = 180 (divisor)

Salário-hora = Salário mensal/180

Ou seja: 2000,00/180

Salário-hora = 11,11

Como Calcular Horas Trabalhadas do Empregado Diarista

Para calcular horas trabalhadas do empregado diarista, você deve considerar os seguintes dados:

Um empregado diarista recebe R$ 60,00 pelo dia de trabalho. A jornada diária de trabalho é de 7 horas e 20 minutos, trabalhando 6 dias por semana. Veja a fórmula para calcular horas trabalhadas diárias:

Em primeiro lugar, transforme os minutos em porcentagem de horas, ou seja, 20/60 = 0,33 minutos.

Na sequência, adicione às 07:00 horas os 0,33 minutos, obtendo 7,33 (sete horas e 33 minutos).

Faça o cálculo do salário-hora da seguinte forma: Divida o salário-hora pelo número de horas trabalhadas: 60/7,33

Salário-hora do diarista é de = 8,19

Horas Trabalhadas que Ultrapassam a Carga Horária Estipulada

Segundo a Legislação Trabalhista, a carga horária normal de trabalho é de 8 horas por dia, podendo ser negociada para mais ou menos, de acordo com os acordos entre o empregador e o empregado ou convenções coletivas.

Primeiro, a apuração da jornada de trabalho para fins de pagamento de horas extras ou desconto de faltas deve levar em consideração, especialmente, os acordos e convenções entre sindicatos, que geralmente determinam as normas específicas para cada categoria profissional na respectiva região.

Veja mais sobre acordos e convenções coletivas de trabalho.

Nas empresas, também é comum que ocorra a adoção do sistema de acordo de banco de horas para os trabalhadores, tendo como objetivo facilitar a gestão e a flexibilidade no controle de horas trabalhadas pelos empregados. Portanto, se a carga horária diária de trabalho for excedida, a empresa deve pagar hora-extra ou computar o tempo excedido para conceder folgas.

Por exemplo, a empresa deve computar as horas de trabalhadas de um trabalhador com uma jornada de trabalho de segunda-feira a sexta-feira das 08:00 horas às 17:48 horas, tendo uma hora de intervalo intrajornada e compensando no sábado. Levando em consideração, que durante todo o mês aconteceu apenas as ocorrências abaixo diferentes do horário normal:

Jornada diária = 08:48 horas, 44:00 horas semanais (8:48 horas X 5 dias).

As horas-extras trabalhadas devem ser anotadas e calculadas separadamente para sem acrescidas ao salário ou pagas em banco de horas.

Quer ajuda com seus direitos trabalhistas? Entre em contato ou preencha o formulário abaixo:

Seu nome*

Seu telefone*

Sua Cidade*

Seu e-mail*

Assunto*

Resumo do caso

Compartilhe este post!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email